Gerente X Capataz

A motivação desse post ocorreu após assistir o vídeo do “Funk da Gerência” (será mais um hit do verão 2010, junto com o “Funk do Anel” rs) nesse excelente post do Rodrigo Panachi.

Pela minha experiência, a analogia do capataz não se encaixa muito quando analisamos bons gerentes. Eu prefiro mais a analogia dos gerentes como os donatários das capitanias hereditárias, afinal segundo a Wikipédia o donatário “constituía-se na autoridade máxima dentro da própria capitania, tendo o compromisso de desenvolvê-la com recursos próprios, embora não fosse o seu proprietário”, ou seja, bem próximo da realidade de um gerente.

Gerenciar não é só sobre controlar pessoas, até porque o modelo de comando-controle já está em declínio na área de TI, principalmente devido a explosão do Scrum nesse ano, ser gerente é saber lidar com as pessoas, saber negociar, liderar, pensar, agir, inspirar, motivar e a lista é longa.

Não é fácil ser gerente, e uma prova disso é que a maioria das pessoas no mundo não são nem gerentes das suas próprias vidas, quanto mais um dia terão capacidades de gerenciar uma área de Teste de Software, por exemplo.

O que leva a pensar que gerentes são meros capatazes é que ainda há MUITOS gerentes capatazes, e o pior é que muitas vezes tais gerentes pensam que são o dono da empresa, eles se iludem com as cifras que caem todo o mês na sua conta bancária, acham que são intocáveis e ainda pensam que chegaram no apíce de suas carreiras  e por isso param no tempo. E tais gerentes não são bons nem para a empresa em si, quanto mais para os seus subordinados.

Portanto, gerentes de plantão e aspirantes tomem cuidado para não serem capatazes. Busquem serem líderes, desenvolver o seu time, ser um intraempreendedor, ter uma excelente relação com os clientes, não parem de aprender e evoluir e entendam a sua empresa e o mercado.

Pra encerrar, segue o vídeo na íntegra da participação do Waldez Ludwig no programa Sem Censura, recomendo:😉

Fique por dentro das novidades, assine o feed do QualidadeBR.

3 comentários sobre “Gerente X Capataz

  1. olá
    fui eu quem fez essa montagem do Funk da Gerência no início de 2009 e, curiosamente, estou recebendo muitas impressões negativas somente agora, em meados de 2010 e, por isso, ocorreu-me de procurar onde está sendo anunciado meu vídeo.

    aproveito pra contar que acho o Gerente um profissional necessário na organização de uma empresa, mas se for escolhido um mocorongo para o cargo o resultado é o que o Waldez Ludwig aponta no vídeo – e era um gerente exatamente assim a quem eu tinha que ficar subordinado na época… daí, pra sacanear esse gerente, fiz esse vídeo que foi celebrado entre meus colegas na época.

    peço desculpas a admiradores do Ludwig, se acham que deturpei o que ele falou, mas a piada é interna a um grupo de amigos.

    Responder
    • Olá Felipe!

      Na minha opinião você não deturpou o que o Ludwig falou, e sim enfatizou bem, com uma montagem bem humarada (ficou muito boa!), o ponto que o próprio Ludwig levantou sobre uma realidade que infelizmente, não é difícil de ser encontrada nas empresas.

      Obrigado pelo comentário e esclarecimento.🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s